sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Há dias assim!



Somos diferentes. Muito.


Ele é desarrumado, desleixado com algumas coisas, despreocupado. Já eu preocupo-me demais. Sou chata e refilona. Quando acordo rabugenta sou difícil de aturar. Quando ele acorda mal disposto não se pode falar para ele. Há dias em que estamos os dois com a “telha”. Há dias em que ele me diz para ir dormir mais um bocado. Há dias em que não se consegue comunicar nesta casa. Há dias em que gritamos e dizemos coisas que não queremos. Há dias piores e há dias melhores.


Também há dias em que me sinto em baixo e ele puxa-me para cima. Há dias em que ele está desmotivado e eu faço tudo para lhe levantar a moral. Há dias em que ele só diz parvoíces pela boca fora. Há dias em que parecemos dois palhaços e outros em que parecemos duas crianças. Há também aqueles dias em que só queremos estar com os nossos. Há dias em que não nos apetece fazer nada e dias que passamos a por a casa em ordem. Há dias em que conversamos muito e há outros em que não estamos para aí virados. Há dias em que gostamos de ouvir música e outros em que nos apetece sair de casa. Há dias em que gostamos de fazer planos para o futuro e sonhar. Há dias em que queremos relaxar e namorar.


Cada dia é diferente e vivemo-los em família. Dividimos tudo porque somos um só. Somos uns românticos e gostamos das coisas simples por isso, receber um miminho assim é receber uma verdadeira declaração de amor:




Hoje foi dia!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Diz-nos o que achaste. O teu comentário é sempre bem-vindo.
Obrigada pela visita!